programação > outubro

30 de outubro 

PAINÉIS ONLINE - RIMAS TRANSATLÂNTICAS - “RAPENSANDO” A DIÁSPORA

Emicida e Boaventura de Sousa Santos. Mediação de Raquel Lima

O rap tem encontrado poderosas rimas para narrar as novas travessias transatlânticas, sejam elas de Luanda para Lisboa, de Dakkar para São Paulo, de Porto Príncipe para Maputo. Debate entre estas duas figuras icônicas foi um dos pontos altos da residência artística de Emicida no Centro de Estudos Sociais, dirigido por Boaventura de Sousa Santos.

 
 

30 de outubro 

PAINÉIS ONLINE - TODO MUNDO É GRIOT, MESMO QUEM NÃO É

Ondjaki e Raquel Lima. Mediação de Carla Fernandes

Ainda que a poesia oral esteja na origem de toda a literatura mundial, sua presença e influência são ainda mais acentuadas na literatura africana. Sua importância para a produção de saberes nos permite aplicar aqui o aforisma criado pelo antropólogo Eduardo Viveiros de Castro, para quem é indígena mesmo quem não é.

30 de outubro 

PAINÉIS ONLINE - DIÁSPORA, UMA PALAVRA FEMININA

Mynda Guevara e Telma Tvon. Mediação de Joana Gorjão Henriques

Mulheres renovam a cena do hip-hop, trazendo narrativas mais diversas sobre as periferias, que em vários momentos questionaram o machismo da primeira geração do rap. A fresta aberta pelo feminismo rapper permitiu a chegada de uma geração LGBTQPIA+.

30 de outubro 

PAINÉIS ONLINE - HARLEM ABISSAL

Miguel de Barros e Redy Wilson Lima. Mediação de Bruno Sena Martins

Juventude periférica de cidades africanas se apropria do rap para narrar sua realidade tal qual os jovens negros das periferias de cidades como São Paulo, Lisboa e Nova York. Além de organizar a resistência ao neocolonialismo, a cultura hip hop tem um papel fundamental para o que Boaventura de Sousa dos Santos cunhou como Epistemologias do Sul.

30 de outubro 

PAINÉIS ONLINE - TUDO QUE APRENDI COM AS MAIS-VELHAS NA COZINHA DE MINHA CASA

Djamila Ribeiro e Tanella Boni. Mediação de Ana Paula Lisboa

A cozinha como espaço do afeto, da convivência e da preservação da identidade da mulher negra. Para reeditar encontros em torno da fogueira, onde saberes e sabores são compartilhados para preservar o corpo, a alma, toda uma concepção de vida, uma história de resistências.

30 de outubro 

PAINÉIS ONLINE - DIÁLOGO DE SURDOS

Djenebou Bathily e Leo Castilho. Mediação de Alessandra Makkeda

Tão importante quanto permitir que os surdos tenham acesso ao fazer cultural no mundo é criar espaços para que possamos ouvi-los. Talvez venha da produção poética deles a maior denúncia do quão excludente é o mundo que criamos – e não apenas para eles.

30 de outubro 

PAINÉIS ONLINE - PALAVRA CONFINADA

Lucas Moura, Kaê Guajajara e Pierre Vinclair

Reflexão poética sobre nossos corpos, que pela primeira vez na história foram igualmente vulneráveis durante a pandemia. Que narrativas propusemos num ano em que todos nos sentimos como George Floyd, Galdino Jesus e Maria da Penha?

30 de outubro 

PAINÉIS ONLINE - JOGO DE PALAVRA – COMO O SLAM SE ESPALHOU PELO MUNDO

Comikk MG, Emerson Alcalde e Roberta Estrela D'Alva entrevistam Marc Smith, o criador do slam

Um gênero literário dado como em extinção, a poesia se renovou depois da criação do slam na Chicago da década de 1980. Em animada conversa com seus principais seguidores, o criador das batalhas poéticas explica como elas atraíram e formaram novos leitores e autores nas periferias globais.

30 de outubro 

PAINÉIS ONLINE - RIME COMO UMA GAROTA

Bibi Abigail, Edith Azam e Luiza Romão. Mediação de Karine Bassi

As mulheres têm um papel central na renovação da poesia, principalmente quando as rimas transbordam as páginas dos livros e se derramam nas ágoras do spoken word. O mic dos saraus, das batalhas poéticas e das performances tem propagado e empoderado vozes silenciadas há milênios.

30 de outubro 

PAINÉIS ONLINE - CORRE PRO PAJEÚ

Luna Vitrolira comanda mesa de glosa com Dayane Rocha, Elenilda Amaral, Ivoneide Amaral, Francisca Araújo, Thaynnara Queiroz, poetas do sertão do Pajeú

A árida geografia do Pajeú, uma região formada por 17 cidades no sertão pernambucano, tem inspirado gerações e mais gerações de poetas, particularmente aqueles que burilam a palavra falada. Essa passarada de rimas improvisadas é uma ode à oralitura.

30 de outubro 

PAINÉIS ONLINE - ENCICLOPÉDIA NEGRA, BIOGRAFIAS QUE NOS DEFINEM

Flávio Gomes, Jaime Lauriano e Lilia Schwarcz. Mediação de Eugênio Lima

Mais do que mapear 500 personalidades negras que marcaram nossa história, a Enciclopédia Negra deu rosto a um povo historicamente invisibilizado e acima de tudo plasmou no papel o saber transmitido oralmente de geração em geração.

30 de outubro 

HOMENAGEM DO MILÊNIO
(Babilônia - Programação Presencial)

Maria Bethânia recita letras de Aldir Blanc

Ninguém melhor do que Maria Bethânia para homenagear Aldir Blanc, que compôs um dos hinos da geração que resistiu à ditadura militar. Não à toa deu nome à lei de incentivo à cultura criada no auge da pandemia, da qual foi um de suas primeiras vítimas.

A homenagem se torna ainda mais potente com a intervenção luminosa de Paulinho Sacramento e de Leandro Malaquias, que projetam inédito mapping sobre o casario da favela enquanto a comunidade ouve a voz de Maria Bethânia.

30 de outubro 

Rodada brasileira do Slam Coalkan
(Babilônia - Programação híbrida)

Primeiro slam indigena da história reúne poetas de povos originários das 3 Américas e materializam profecia segundo a qual haverá uma nova consciência quando o condor (ave símbolo da América do Sul) voar ao lado da águia (ave símbolo da América do Norte).

30 de outubro 

OFF Flup - Slam das Minas (Babilônia - Programação Presencial)

Larguinho do Bar do Tomás, na Ladeira Ary Barroso.⁣⁣

30 de outubro 

OFF Flup - Sarau do Escritório (Babilônia - Programação Presencial)

 Estrelas da Babilônia. Encontre-nos na Rua Dona Alexandrina, 91-B. ⁣⁣

30 de outubro 

OFF Flup - Matheusarau (Babilônia - Programação Presencial)

Com curadoria de Biancka Fernandes e Wescla Vasconcelos, o Matheusarau! vai ocupar o Bar da Teresa, no Rodinho da Babilônia, com poesias e performances de transexuais\travestis nordestines, pretes e LGBTQIA+. ⁣⁣

30 de outubro 

OFF Flup - Pelada Poética (Babilônia - Programação Presencial)

A Pelada Poética, criada pelo ator, escritor e poeta Eduardo Tornaghi, terá reencontro presencial na nossa Ocupação. Vai rolar no Aquarela do Leme Hostel, na Ladeira Ary Barroso, 21. ⁣⁣
⁣⁣

30 de outubro 

OFF Flup - Sarau das Carolinas (Babilônia - Programação Presencial)

Sarau das Carolinas no Jardim da Babilônia vai ser aberto por uma conversa entre Renata de Souza e Benedita da Silva, com mediação de Morgana Eneile.

30 de outubro 

OFF Flup - Contos para Depois do Ódio (Babilônia - Programação Presencial)

No Estúdio Vertical, na Ladeira Ary Barroso, 40, acontece o lançamento da coletânea "Contos para depois do ódio", dedicado ao ícone carioca Marcelo Yuka. ⁣⁣

31 de outubro 

Rodada canadense do Slam Coalkan
(Programação Online)

Primeiro slam indigena da história reúne poetas de povos originários das 3 Américas e materializam profecia segundo a qual haverá uma nova consciência quando o condor (ave símbolo da América do Sul) voar ao lado da águia (ave símbolo da América do Norte).